menu-topo

O meu amigo Gosha

26.1.09


Este rapaz chama-se Gosha.
O Gosha é um bom amigo meu.
Conhecemo-nos em 2006 em Milão no programa Erasmus.
O Gosha deu-me guarida durante um mês para eu poupar o dinheiro da renda do quarto para poder ir viajar no verão por Itália adentro.
O Gosha andava sempre despenteado, mas é o melhor cozinheiro que alguma vez conheci.
Um dia fomos a um bar e eu pedi um Bloody Mary porque pensei que era bom. Mal meti a palhinha na boca, deu-me vontade de vomitar. Ele também não gostava, mas ofereceu-se para trocar de bebida e deu-me o seu cocktail de frutas.
O Gosha chamava-me "Red Person" porque ele dizia que era a minha cor. Dizia que eu iluminava qualquer ambiente e era a pessoa mais calorosa que ele jamais conhecera.
O Gosha viveu alguns meses em Nova Iorque trabalhando numa empresa de mudanças. Foi ele que me convenceu que era mesmo a cidade que nunca dormia porque ele apanhava o metro às 3 da manhã e estava sempre cheio.
O Gosha é um fantástico designer e até prémios já ganhou pelo seu talento.
O Gosha é de Israel e está na lista dos 5000 reservistas que mais cedo ou mais tarde irão ser chamados para combater pelo seu país.
O Gosha está nas minhas orações.

1 comentário:

  1. Epa estava a sorrir até ler esse final... Opa que cena! :(

    ResponderEliminar

AddThis